Ice Wine: o vinho feito em baixas temperaturas

Ice Wine: o vinho feito em baixas temperaturas

As baixas temperaturas do Ice Wine o tornam uma opção de vinho espetacular e garantem uma degustação incrivelmente única.

Ice Wine é um nome familiar para você? Popularmente conhecido como o “vinho do gelo”, a opção é uma bebida licorosa e adocicada, normalmente feita com as uvas Riesling, Carbenet Franc, Pinot Noir, Syrah e Vidal.

O Ice Wine, diferente das outras opções do mercado, tem um método de produção único. O mesmo consiste em colher uvas quando está abaixo de -10°C. É um vinho extremamente difícil de fazer. Isso porque se a nevasca for baixa, as frutas podem apodrecer e se for muito forte podem não gerar suco algum.

Pareceu algo interessante para você? Então, confira as próximas linhas para saber mais sobre o vinho feito em baixas temperaturas.

ice wine

 

Ice Wine e seu preparo especial

Em uma safra regular, as uvas são colhidas em um clima estável, variando entre -8°C e -10°C. O processo de colheita é feito à noite, por ser um horário em que a temperatura está mais estável e permitirá que a integridade produtora das uvas seja mantida.

Assim, após colhidas, as uvas são prensadas. Neste processo, elas ainda se encontram muito duras devido ao congelamento, por isso, ao serem esmagadas, liberam todo o gelo, que não se mistura ao sumo e transforma a uva em um suco superconcentrado.

Posteriormente, o mosto passa pelo processo de fermentação no tanque. Este processo demora, em média, de três a quatro meses. Vale destacar que o Ice Wine só pode possuir açúcar residual e seu álcool deve ter como origem o açúcar natural das uvas.

Por exigir uma condição climática difícil, esse tipo de vinho é produzido em poucos locais. Portanto, seus produtores estão concentrados na Alemanha, Áustria, Suíça e Canadá. Inclusive, o Canadá é o maior produtor de Ice Wine.

As condições de crescimento, bem como sua produção, são rigorosamente protegidas pela Vintners Quality Alliance (VQA). Este é um programa reconhecido internacionalmente e define os padrões e certificações do vinho.

Qual o perfil deste vinho?

Para quem gostou e ficou curioso em experimentar o Ice Wine, vale a pena entender um pouco mais sobre o seu perfil. Estes vinhos são da categoria super doce, e apresentam aromas e sabores de frutas muito concentrados. 

Um dos pontos que fazem mais sucesso é a sua acidez elevada. Isso porque estamos falando de um vinho doce e, por mais que seja gostoso, se torna enjoativo sem a acidez na medida certa. Entretanto, este não é o caso aqui.

Grande parte dos Ice Wine são elaborados para consumo em até 10 anos. Mas, especialmente os produzidos com as uvas Riesling e Grüner Veltliner, tem potencial para evoluir por muito mais tempo sem perder sua qualidade. 

Nestes casos, a coloração da bebida tende a se tornar mais escura e seus aromas de frutas ficam para trás, dando espaço para o lado da avelã e do xarope de bordo.

E aí, vamos brindar com um Ice Wine? Confira mais detalhes sobre o vinho neste vídeo:

Paulo Carvalho Paulo CarvalhoApreciador de um bom vinho! Com formação em tecnologia, nas horas vagas se dedica a entender e apreciar um bom vinho.

Comentários

Cadastre-se e receba nossas novidades